in

O que é breakeven e qual a importância dele para as startups?

Quem tem uma empresa sabe que a gestão financeira é decisiva e pode determinar o sucesso ou o fracasso do negócio. Isso não é diferente para as startups, mesmo aquelas em fase pré-operacional, que ainda não têm geração de receita.

Um dos principais indicadores contábeis que as empresas devem conhecer é o breakeven, ou seja, o ponto de equilíbrio. Ele mostra quanto a empresa precisa faturar para igualar as receitas às despesas. Assim, é o ponto exato em que o negócio deixa de ter prejuízo.

Neste artigo, vamos explicar melhor esse conceito e mostrar a importância dele para as startups. Confira!

O que é breakeven e como calculá-lo?

O breakeven indica o faturamento que uma empresa precisa ter para cobrir os custos fixos e variáveis. Assim, no ponto de equilíbrio, a empresa não tem lucro nem prejuízo.

Para calculá-lo, é preciso ter as seguintes informações:

  • receita total: valor que entra na empresa com a venda de produtos e serviços;
  • custos fixos: gastos permanentes que não variam de acordo com o volume de vendas ou de produção, como aluguel e folha de pagamento;
  • custos variáveis: gastos para produzir um produto ou executar um serviço e que são proporcionais ao volume de vendas ou de produção;
  • margem de contribuição: custo para fabricar uma unidade do produto ou para executar um serviço. Para calculá-la, é preciso subtrair os custos variáveis do montante de vendas.

Então, vamos imaginar uma empresa com os seguintes números:

Receita total (RT): R$ 200 mil

Custos fixos (CF): R$ 30 mil

Custos variáveis (CV): R$ 40 mil

Neste caso, a margem de contribuição (MC) vai ser R$ 160 mil (receita total menos margem de contribuição). A partir desse número, é preciso calcular o índice de margem de contribuição (IMC), que nada mais é do que a margem de contribuição dividida pela receita total.

Assim, IMC = MC/RT = R$ 160 mil / R$ 200 mil = 0,8

Agora podemos calcular o ponto de equilíbrio, usando a seguinte fórmula:

PE = CF/IMC = R$ 30 mil / 0,8 = R$ 37.500

Isso quer dizer que a empresa precisa ter um faturamento anual de R$ 37.500 para atingir o breakeven. Acima desse valor ela terá lucro e abaixo, prejuízo.

Por que as startups devem calcular seu breakeven?

O objetivo das empresas é gerar lucro. No entanto, é perfeitamente normal que um negócio que esteja iniciando suas atividades ainda tenha prejuízo, especialmente quando falamos de startups, que requerem um investimento muitas vezes alto em tecnologia.

Agora, ainda que a estratégia de crescimento acelerado muitas vezes exija que se queime caixa por um tempo, é preciso comprovar a viabilidade do negócio. Principalmente em tempos de crise econômica, os recursos ficam mais escassos e os investidores, mais cautelosos. Por isso, é preciso repensar a estratégia e preservar caixa, “esticando” o orçamento e preparando-se para a possibilidade de rodadas de investimento mais restritas.Agora você já sabe como funciona o breakeven e a importância de conhecer o ponto de equilíbrio da sua empresa. Como dissemos no começo deste artigo, uma gestão financeira eficiente é fundamental para qualquer negócio.

Fonte: Distrito

Rapaduratech

Escrito por Rapaduratech