1918 Labs: Hub de inovação do Fortaleza promete acelerar startups

 1918 Labs: Hub de inovação do Fortaleza promete acelerar startups

(Imagem: BS Innovation Hub | Divulgação)

Um projeto que une tecnologia e futebol. Que promete acelerar startups. O que gira a economia, claro. Isso é o que fará o “1918 Labs”, novo HUB de inovação do Fortaleza Esporte Clube.

O Hub é uma parceria entre o time e o BS Innovation, que também é sócio e gestor do espaço de inovação. A ideia nasceu da busca do clube em interagir com novas soluções de mercado voltadas ao esporte e clube além das quatro linhas. Outros times já possuem iniciativas semelhantes, como Palmeiras, Barcelona e Real Madrid.

“O objetivo principal é acelerar negócios voltados à vertical de esportes e outras relacionadas às atividades do clube. Além disso, trazer a possibilidade de agregar novos modelos de negócio, receita e atender necessidades do Fortaleza Esporte Clube e mantenedores do 1918 Labs”, explica Strauss Nasar, CFO do BS Innovation Hub.

Seleção de startups

O Hub pretende acelerar negócios nascentes e startups, gerando interação com grandes corporações, mercado e investidores. Segundo Strauss, pelo menos dez startups serão aceleradas por ano. E as verticais trabalhadas inicialmente são esportes, e-sports, saúde e Big data.

Evento de lançamento do Hub aconteceu no dia 8 de outubro deste ano. (Imagem: BS Innovation Hub | Divulgação)

A seleção será dividida em três fases: análise de requisitos mínimos; apresentação de pitch; e avaliação da banca – que analisa o grau de maturidade da startup, o potencial de escala e quanto a aceleração pode auxiliar no desenvolvimento do negócio.

“As informações do edital de seleção deverão ser divulgadas ainda em dezembro, final do mês”, conta.

Investimento

O valor investido projetado para o primeiro ano de funcionamento é de R$ 2 milhões. As obras serão iniciadas em novembro, com previsão de inauguração do 1918 Labs em janeiro de 2022. A ideia é já recepcionar as primeiras aceleradas no evento de inauguração.

Mas se você não torcer para o Fortaleza… não tem problema! O Hub é aberto para qualquer torcedor. “Enquanto negócios acelerados e startups, não existe restrição ao clube que integrantes torçam. É um ambiente de inovação voltado ao Fortaleza, mas aberto para todos”, conclui.

 

Hayanne Narlla

Jornalista cearense. Amante do sol e do mar, cultiva o hábito de escrever sobre a vida nos detalhes mais rotineiros. Movida por novos desafios e curiosa desde a infância, gosta de aprender sobre inovações e empreendedorismo. Nas horas livres, reflete e teoriza sobre o universo da música e do cinema. Acredita que é preciso ser útil e deixar rasto.

Posts relacionados