Fintech as a service: como essa solução pode aumentar os ganhos de sua empresa?

 Fintech as a service: como essa solução pode aumentar os ganhos de sua empresa?

(Imagem: Thiago Pontes)

A fintech as a service é uma tecnologia que pode tornar mais simples os serviços financeiros no comércio eletrônico. Desse modo, as empresas podem contratar uma startup para essa função que não faz parte do seu ramo. Então saiba como funciona essa opção. 

O que é uma fintech as a service?

Esse termo, que na tradução literal significa fintech como serviço, quer dizer que uma startup entrega soluções financeiras a outra empresa. Desse modo, tem-se uma relação de parceria em que cada parte cumpre com sua especialidade. 

Por parte da fintech, fica toda a questão de regulação e tecnologias em uso. Já a marca que contrata o serviço pode customizar a solução conforme a demanda do seu nicho, sem precisar de experiência na área.

Como esse tipo de instituição funciona?

Todo o processo feito pela fintech as a service acontece através da API, ou seja, Application Programing Interface, fornecida pela startup. Portanto, é um conjunto de dados que vão servir para programar a plataforma de acordo com o que o cliente precisa.

A criação da solução, bem como, toda a parte de testes e instalação, fica a cargo da startup. De igual modo, a parte burocrática, como adequação às normas financeiras é de atribuição da fintech.

Maiores possibilidades

Essa opção traz um novo leque de oportunidades para as empresas ampliarem seu alcance. Afinal, uma marca pode lançar um produto financeiro, como um cartão de crédito com sua identidade visual. 

Tudo isso sem ter que iniciar todo o processo do zero e investir na contratação de funcionários. Por isso, essa é uma tendência em expansão, ou seja, firmar parcerias com empresas para desenvolver produtos fora do seu nicho.

Foto: Uma fintech as a service pode agilizar o e-commerce das empresas

Quais os tipos de serviços que esse tipo de fintech oferece?

Como a experiência da fintech as a service permite escolher o tipo de serviço que mais se adequa ao perfil da empresa. Desse modo, confira algumas das soluções que podem ser adicionadas: 

  • Conta digital;
  • Oferta de cartões de débito e crédito;
  • Pix;
  • Transferências;
  • Investimentos;
  • Recargas de celular;
  • Pagamentos. 

A partir desses recursos qualquer empresa pode oferecer facilidades a seus clientes, similares a um banco digital. Com isso, ela amplia sua relação com o público e retém os consumidores em seu ambiente digital.

Uma fintech as a service contribui para o crescimento dos negócios?

Contratar uma fintech as a service pode ser uma forma mais rápida de expandir os negócios. Por isso, veja alguns dos aspectos principais em que essa opção pode impactar de forma positiva.

Fortalecimento da marca

Sob esse aspecto, oferecer um mix de serviços diverso pode ser um grande diferencial para uma empresa. Assim, além dos produtos que já tem disponíveis, a marca pode consolidar a autoridade no mercado com novas soluções.

Destaque no mercado

Ao aderir a esse novo modelo, a empresa consegue alcançar um novo público que ainda não estava em sua base. Desse modo, pode ampliar sua rede de clientes, bem como, reter aqueles já fidelizados.

Também é uma forma de se destacar em meio aos concorrentes. Isso porque, o cliente tende a optar por aquela empresa que possui um serviço mais completo para sua conveniência.

Maiores fontes de receita

Do ponto de vista mais prático, essa parceria com uma fintech também pode trazer receitas extras. Afinal, amplia-se o pacote de serviços que a empresa oferece, além de potencializar as vendas em relação ao objeto principal.

O impacto dessas instituições no e-commerce

Há um grande número de pessoas que ainda não possui conta em banco ou não faz uso de recursos bancários digitais. Com isso, estima-se que o público nessas condições pode chegar a 20% da população. 

Isso se deve ao fato de parte dessas pessoas terem restrições em seu nome ou não concordarem com as taxas bancárias. Por isso, apostar em uma fintech as a service é uma boa forma para conseguir chegar a esse público.

Uma parceria que vale a pena

Essa opção traz ganhos para todas as partes, inclusive para os clientes que consomem os serviços. Nesse sentido, confira alguns dos benefícios que merecem destaque:

  • Oferta mais ampla de serviços;
  • Investimento em tecnologia por parte das fintechs;
  • Redução de custos;
  • Preços e taxas mais competitivos.

Em um mundo cada vez mais digital, inserir novas soluções financeiras é uma forma de aumentar sua presença no mercado. Afinal, esse tipo de facilidade, que coloca o cliente a um clique da compra, pode dar um retorno positivo ao negócio.

Fintech as a service: mais um passo na evolução dos negócios

As startups do ramo de tecnologia têm uma presença cada vez maior no mercado. Isso porque, seu foco em trazer soluções inovadoras agrega serviços diferenciados a empresas tradicionais. 

Com isso, a opção pela  fintech as a service é uma tendência que desponta no mercado. Afinal, é capaz de ampliar os serviços oferecidos, em um curto espaço de tempo. Além disso, é muito mais acessível do que os bancos. 

Especialidade

Nesse tipo de parceria, cada uma das partes cuida daquilo que é seu escopo principal. Assim, a startup tem a expertise em tecnologia e na regulamentação necessária. Por outro lado, a marca que contrata pode focar em estreitar a relação com seu público.

Diego Dias

Diego Dias é escritor há 22 anos e especialista em SEO há 7 anos, possui mais de 10 mil criações no mundo da redação online e é um apaixonado por produzir conteúdos que levam conhecimento ao público.

Newsletter

Rapadura Tech

Cadastre-se e receba, todas às sextas, um resumo do que foi destaque na semana sobre Tecnologia, Empreendedorismo e Negócios.